Categories
music

לשוב הביתה

open.spotify.com/track/52n4gF126eIllrGuc9Zus6

Categories
music

World

open.spotify.com/playlist/4vAuwSnpdAn9CDWSgGr9xE

Categories
music

The Mystic’s Dream

open.spotify.com/track/0sWQ903QohqC5s83LK5meh

Categories
music

Optic Mystic

open.spotify.com/track/4cB5vjP66uYxcNei8nW0Ft

Categories
music

New Soul

open.spotify.com/track/09nEPqqMCJ5gNioi7M2dth

Categories
music

שבת שלום. ❤️🙏🏼✡️

open.spotify.com/track/468HVshiVkQkX4y5WzH5nv

Categories
music

World

open.spotify.com/playlist/4vAuwSnpdAn9CDWSgGr9xE

Categories
travel

Ciclista explora belezas do Uruguai além de Montevidéu e Punta del Este – 25/04/2022 – UOL Nossa

Desde 2013, a documentarista Fernanda Frazão, 36, viaja pedalando. Ao lado de sua magrela, a brasileira já visitou diversos lugares dentro do país. Mas foi no fim do ano passado que ela resolveu se aventurar no exterior. “Eu já pedalava em São Paulo, m
— Read on www.uol.com.br/nossa/noticias/redacao/2022/04/25/ciclista-explora-belezas-do-uruguai-alem-de-montevideu-e-punta-del-leste.htm

Categories
movie

Cinema, #MeToo, Covid e ‘O Festival do Amor’: Uma conversa com Woody Allen – 05/01/2022 – UOL Splash

Woody Allen não trabalhou durante a pandemia. O novo mundo trazido pela Covid interrompeu um fluxo que seguia ininterrupto desde 1977, quando ele fez “Noivo Neurótico, Noiva Nervosa”, e trouxe um filme
— Read on www.uol.com.br/splash/colunas/roberto-sadovski/2022/01/05/cinema-metoo-covid-e-o-festival-do-amor-uma-conversa-com-woody-allen.htm

Categories
literature

As Cismas Do Destino

 As Cismas do Destino

“Recife. Ponte Buarque de Macedo.
Eu, indo em direção à casa do Agra,
Assombrado com a minha sombra magra,
Pensava no Destino, e tinha medo!

Na austera abóbada alta o fósforo alvo
Das estrelas luzia… O calçamento
Sáxeo, de asfalto rijo, atro e vidrento,
Copiava a polidez de um crânio calvo.

Lembro-me bem. A ponte era comprida,
E a minha sombra enorme enchia a ponte,
Como uma pele de rinoceronte
Estendida por toda a minha vida!

A noite fecundava o ovo dos vícios
Animais. Do carvão da treva imensa
Caía um ar danado de doença
Sobre a cara geral dos edifícios!

Tal uma horda feroz de cães famintos,
Atravessando uma estação deserta,
Uivava dentro do eu, com a boca aberta,
A matilha espantada dos instintos!

Era como se, na alma da cidade,
Profundamente lúbrica e revolta,
Mostrando as carnes, uma besta solta
Soltasse o berro da animalidade.

E aprofundando o raciocínio obscuro,
Eu vi, então, à luz de áureos reflexos,
O trabalho genésico dos sexos,
Fazendo à noite os homens do Futuro.”

Trecho de As Cismas do Destino, de Augusto dos Anjos.